a casa de um fotógrafo no brooklyn

Esse apartamento de 1 quarto, que tem tanta coisa linda, é de Mike Mabes, um fotógrafo que organiza os livros pela cor e usa câmeras fotográficas antigas e armas de mentira na decoração. Eu fiquei encantada com cada detalhe desse mundo resumido em 1 quarto no Brooklyn.

É tão aconchegante. Tijolos aparentes, madeira, pedra, objetos antigos, móveis confortáveis, não tem como não se sentir em casa. Fiquei realmente encantada com o lugar e com as fotos, que são da Jamie do From Me To You, que já cansou de aparecer aqui no Ideias :)

Publicado em Ideias | Marcado com , , , , , | 1 Comentário

beringela pra quem não gosta de beringela

Vou começar o post como a maioria dos posts sobre beringela começa. Beringela ou berinjela? Os dois estão certos. Sim, os dois. Então pode escrever como quiser tá? :P

Bem, agora vamos ao que interessa. Confesso que aos poucos tenho aprendido a gostar de beringela, e dou os créditos disso a Cami e minha mãe, que foram me convertendo. Não que hoje eu seja uma apaixonada, mas já posso dizer que gosto. A única coisa que eu já gosto muito, é o antepasto de beringela, e hoje Cami colocou uma receita delícia lá Na Minha Panela.

É só a segunda vez que eu faço beringela em casa, mas pretendo ir colocando cada vez mais no cardápio. Essa que eu fiz dessa vez é realmente um prato com beringela pra que não gosta dela (eita, rimou). Então vamos lá, pra começar você corta a beringela, que já foi bem lavadinha, no sentido do comprimento. As fatias não precisam ser finas, mas o ideal é que elas sejam todas da mesma espessura mais ou menos (que é uma coisa eu eu realmente não consigo fazer).

Ai você pega essas fatias e deixa uns 20 minutos de molho na água salgada, e em seguida lava e enxuga cada uma das fatias com papel toalha. Esse ritual todo é pra tirar o amargor que tem nela. Então você dá uma assada nelas na frigideira antiderente ou numa grelha, até que elas fiquem moreninhas. Essas marcas de grelha nas minhas beringelas são fakes hahaha :P É que eu fiz com a espátula, pra ajudar a liberar mais da água que tem dentro dela.

Então é só arrumar numa assadeira camadas de beringela e de um bom refogado de carne moída, que eu fiz com cebola, alho, pimenta do reino, sal defumado, sal marinho, louro, canela, salsa, orégano e por fim meia lata de tomate pelado com o suco, pra dar uma molhadinha.

Ai com as camadas feitas, finalizando com carne moída, é só cobrir de queijo e colocar pra gratinar no forno. Claro que o ideal seria um queijo mussarela, mas como a anta aqui foi ao mercado e esqueceu de comprar, cobri com queijo minas e ficou delícia. Pra acompanhar, fiz só um macarrãozinho integral no azeite, povilhei ainda mais pimenta por cima e pronto. Ficou ótimo e lindo :)

E sabe porque é beringela pra quem não gosta de beringela? Porque não tem gosto de beringela, ué :)

Publicado em Ideias | Marcado com , | 4 Comentários

o design do escritório de design

Muitas vezes o “casa de ferreiro, espeto de pau” se prova, mas aqui não. O escritório Candy Black, que trabalha com design gráfico, de web, de interiores, fotografia e brading, mostrou que trabalha tão bem pra ele quanto para os seus clientes. Essa é a sede deles, que fica no Reino Unido, num espaço de 18 x 10m cheio de estilo.

Trabalharam muito bem as cores, os acessórios, as texturas, é tudo muito harmônico. E o que é esse adesivo? “O possível pode ser feito imediatamente. Agora nós estamos trabalhando no impossível. Mas por favor, aguarde 48 horas para milagres” Achei genial e você pode comprar aqui.

Eu coloco poucos ambientes corporativos aqui, mas tem alguns que realmente se destacam. Achei esse confortável, e me passa a ideia de que saem bons trabalhos dai de dentro. Senti credibilidade no design, se é que você me entende.

Encontrei essas fotos na parte de design de interiores do Graphic Exchange, que é sem dúvidas um dos melhores sites de design do mundo.

Publicado em Ideias | Marcado com , , , | Deixe um comentário

flores e frutas

Dizem que 4 anos de casamento é bodas de flores e frutas. Achei tão lindo isso :) Muito mais legal que prata ou outro. Flores e frutas. Cor e vida. E é disso que eu acho que se faz o amor, de cor e vida.

Eu já acreditei em amor eterno, hoje não acredito mais. Já acreditei em alma gêmea, mas não acredito mais. Hoje, a única coisa que eu acredito é no amor por ele só. O amor verdadeiro. Esse sentimento cheio de cor e vida.

Pra mim não há definição de amor, por mais que o “Amar é” tenha preenchido um álbum inteiro de figurinhas tentando traduzir isso. Amor é amor e pronto.

Tem gente que ama e por isso não consegue chegar perto. Tem gente que ama e por isso não sai de junto. Tem gente que ama e fica sem palavras. Tem gente que ama e não cansa de dizer. Tem gente que ama porque só sabe viver com. Tem gente que ama porque não sabe viver sem.

Eu amo porque é verdade. Porque aquela noite em que eu senti minha perna formigar só de estar perto da sua, era verdade. Porque é verdade quando meu coração dispara. Eu amo porque eu quero ser feliz de verdade. Porque é verdade que se pode amar sem querer em troca.

Eu amo porque é verdade. O amor é verdade. O carinho é verdade. O tesão é verdade. A admiração é verdade. Eu amo porque é verdade. Porque todo dia é verdade. Porque há 4 anos era verdade, e continua sendo. Eu amo porque é bom rir e gargalhar de verdade. Porque a alegria é verdade. Eu amo porque encontrei o meu amor de verdade.

Meu amor de verdade.

Te amo.

Publicado em Ideias | Marcado com , | 31 Comentários

as cores do union square greenmarket

Esse mercado tão colorido é o agitado Union Square Greenmarket, que fica na Broadway, Nova Iorque. Eu acho que é como ir comprar o pão do dia, um mói de flor ou as verduras da sopa em um cenário de filme. E além de ser lindo, rodeado de pessoas saudáveis fazendo compras coloridas, o mercado ainda tem um blog. Pois é, o What Is Fresh além de mostrar tudo sobre o Greenmarket, dá dicas sobre o que há de melhor em outros mercados.

Legal né?

Essas fotos lindas e maravilhosas são da, já conhecida aqui no blog, Jamie do From Me To You.

Publicado em Ideias | Marcado com , , , , | 4 Comentários

a história da casa com jardim de suculentas

Suculentas são umas plantinhas graciosas. Possuem diferentes e lindos formatos, e são tradicionalmente originárias de clima árido, de regiões desérticas. São a planta ideal para quem não quer ter muito trabalho, porque como elas “estocam” muita água, precisam de pouca manutenção.

Essa casa é de Suzy Schaefer, em San Diego, que passou por um grande susto em 2007. Rajadas de vento, ou algo como uma grande tempestade, acabou com um canyon cheio de eucaliptos e forçou os moradores a fugirem de lá. A casa da frente pegou fogo, e Suzy dá os créditos às suculentas por não deixarem o fogo chegar mais perto da casa dela. Como elas acumulam muita água, seguraram o calor e morreram para salvá-la. E desde então, ela usa as suas suculentas em todo lugar.

A casa não saiu totalmente ilesa, ela conta que as plantas derreteram, árovres secaram e ela e o marido sofreram muito tempo com as cinzas em casa. Mas para Suzy isso só aumentou o carinho dela pela natureza.

Desde então, Suzy já construiu mais três casas na região, todas com lindos projetos de paisagismo. A casa dela foi projetada para que o jardim possa ser visto de qualquer lugar de dentro da casa, pois Suzy adora ficar contemplanto as plantas, principalmente do seu estúdio, enquanto pinta seus quadros. Ela mistura os tons das plantas, os quentes com os frios, criando contrastes bem coloridos.

A artista abre as portas do seu jardim para que as pessoas possam conhecer suas suculentas, das tradicionais as mais exóticas, já que a maioria das pessoas é acostumada a ver esse tipo de planta em pequenos vasos, ou em “desertinhos” como o que eu tenho aqui. Ela fala que o cuidado com as plantas chega a ser “vergonhosamente fácil”, já que ela precisa de pouca rega, e que para plantar outra basta arrancar um pedaço de uma e fincar na terra. Quer coisa mais fácil? Quer coisa mais linda?

Encontrei essas imagens e essa história encantadora no Tradicional Home, que tem muito mais coisas legais.

Publicado em Ideias | Marcado com , , , | Deixe um comentário

carinho em cada detalhe

Lembra do passo a passo da reforma desse abajur? Pronto, esse daqui também é coisa lá do Beach Vintage, e é igualmente encantador.

Não existe limite pro bom gosto dentro de casa. Porque não colocar um pouco de carinho em cada detalhe, mesmo onde só você vai ver? Fazer bonitezas pra sala de estar ou pro lavabo é de praxe, mas dar atenção aos vidros, latas, potes e caixas que se entulham na área de serviço é um gesto de amor por você e por sua casa :)

Achei lindo <3

Publicado em Ideias | Marcado com , , , | 2 Comentários